quinta-feira, 28 de maio de 2009

Frieza

Em dia de chuva e frio,
A solidão a me acompanhar,
Só me resta lembrar,
Do brilho da pele
Do aconchego e do calor ,
Que emana do corpo dela.
Mas queria mesmo,
Era poder isso sentir,
Ao lado do meu AMOR!

14 comentários:

Everson Russo disse...

Voltei, e em boa hora, pra falar da belissima imagem, e do poema de uma esperança sem fim, a mesma que me alimenta, e eu adoro a chuva, as lembranças de quando ela estava por aqui tambem meu amigo poeta, não existiam noites triste ou frias, só sorrisos e muito amor, calor, como eu tambem queria sentir tudo isso ao lado do meu amor, só que, assim como voce, tambem não sei a que distancia anda, acho que o mais proximo de mim é pelo que escrevo a ela, nossa, o quanto um poema toca a gente, voce escreveu tão poucas linhas, mas tao intensas, me emocionei agora com sua poesia, obrigado por me permitir isso,,,,um forte abraço a ti....

P.S.: Pois é, no lado do futebol,ontem foi bom pra nós, meu Cruzeiro venceu, o seu Gremio teve o empate como um otimo resultado, mas estive olhando a tabela, e se não estou enganado, passando os dois, na proxima seria Cruzeiro x Gremio, uma pena né? deveria ser na final...mas enfim, que pintemos a America de azul...e se voce nao ficar chateado comigo...que seja Azul e Branco...rs..rs...forte abraço...

paula barros disse...

Em dia de chuva e frio, só me resta imaginar, já não tenho lembranças para lembrar.

O tempo acabou com as lembranças do cheiro da pele, do gosto do beijo, do toque das mãos, do calor dos corpos.

Em dia de chuva e frio felizes o que tem pelo menos um amigo para escrever bem e esquentar o corpo, ativar a imaginação, e dá vontade de sentir tudo isso para um dia ter o que lembrar.

um beijo grande.

Nany C. disse...

Blue, quantas vezes, sentindo o cheiro da chuva, me transportei pra junto de uma paixão... Particularmente, não é qualquer chuva... é aquela chuva que vem mansa e vai se intensificando aos poucos mas, continua mansa... chuva de por a mão pra sentir e sentir cada gota bater no rosto... parece que as lembranças penetram mais fundo a cada gota... o cheiro da terra e dos troncos das árvores molhados... quando aconteceu essa chuva, estava sozinhanos fundos de uma casa onde esperimentei pela primeira vez o sabor da paixão...

Carmem disse...

Isso é saudade!...
Do que tivemos...Do que vivemos...Do que nunca teremos ou viveremos!...

Beijo!

Adrielle disse...

As vezes,
Temos azar no amor
Sorte no FUTEBOL! rs rs...
Obs.:
Piadinha interna em relação ao comentário do colega:Everson Russo!!

Mas enfim,
A desilução é uma coisa chata mesmo... vem à tona nos dias de chuva, em que é muito propício nos sentirmos sós, carentes...
Nessas horas meu amigo, é muito bom ter a companhia de um bom livro e uns goles de vinho...

Beijo!
Beijo!

Luciana disse...

E aqui também está frio... e cinza. Sabe, Blue, odeio dias cinza. Deixam-me nostálgica! Se bem que se a gente pensar, tudo depende do nosso estado de espírito...
Assim como você, também ando cinza ultimamente. Mas sabe o que é legal, é que a primavera chega, e isso tudo vai passar. Você vai ver, passa sim.
Nós só temos que ter paciência pra esperar o sol e o perfume das flores.

Beijos!

Carmem disse...

Voltei para agradecer o carinho em minha página...

Obrigada!

Beijo!

Palma da Mão disse...

Blue...ao ler-te meu amigo, só me posso lembrar de como era acordar ao lado de quem tanto amei...sabendo hoje, que dormi sempre muito mais sozinha do que realmente bem acompanhada, faz-me ver que foi bom partir sem olhar para trás...
Beijinhos
Liliana

Patrícia Kobayashi disse...

Ai, me deu mais saudade do namorado... =(
lindo poema...

Obrigada pela visita, volte quando quizer...
abraços
bom fds

Nanda Assis disse...

delicia de lugar.

bjosss...

Everson Russo disse...

Amigo poeta, com essa saudade irrequieta que mora dentro da gente, que nos traz madrugadas de insonia em imensos quartos infinitos de inspiraçao, venho trazer meu abraço fraterno e desejar a voce um maravilhoso final de semana....

Adriellie disse...

Um ótimo fim de semana!
E de onde vc é mesmo?

Independente de onde for, que seja bem ensolarado!O tempo frio e congelante só aumenta a ansiedade e carência.
Te desejo um ensolarado fim de semana, bem bom para relaxar e renovar as energias!

Bye!
;*

Afrodite disse...

O frio não está te deixando escrever ou não está te deixando pensar???

Helô Müller disse...

Ah, que lindo Blue ! Quanto sentimento em tão poucas linhas ... Isto é talento dos bons !!
Beijosss
Helô