quarta-feira, 26 de agosto de 2009

Quando se ama

Quando a gente ama,
não medimos esforços para se encontrar.
Fui muito feliz nas viagens noite adentro,
apenas para uma flor poder entregar.

Se foi tudo em vão,
o tempo haverá de dizer.
Sei que enquanto vivo estiver,
o cheiro estará aqui no meu coração.

Um dia quem sabe perceberás,
de quem foi o erro maior.
Posso perder o juízo,
mas jamais perderei o amor,
e a felicidade em te amar!

10 comentários:

FOTOS-SUSY disse...

OLA BLUE, BELISSIMO POEMA, OBRIGADO PELA VISITA...
BOM FINAL DE SEMANA... ABRACO DE AMIZADE!!!

SUSY

Pâmela Rodrigues disse...

Ah danado, lindo esse poema! Adorei, em especial a estrofe final.
Quanto a Bia, ela é minha mesmo (rs...). Tenho ciúmes de meus personagens, mas você tem razão, quando diz que também é dos leitores.
Eu empresto com meus textos... rs.

Ah, Bia e Ana não se encontram.


Beijosssssssssss

Déia disse...

Lindo, esse amor é alimentado diariamente....acarinhado, mimado, expressado...Mas é recíproco?
Será que vale a pena amar sem ser amado?
Porque não dar tudo isso a quem realmente esteja disposto a compartilhar? Pode ser que dê eco!
bj

Everson Russo disse...

Belissimo, amor eterno amor, a gente perde o juizo, perde o rumo, mas jamais vai perder o amor eterno, e quantas e quantas madrugadas já rompemos por uma flor, por aquele perfume inconfundivel....???? forte abraço amigo poeta, uma otima quinta feira...

Uma aprendiz disse...

Bom dia, moço.

Concordo com você, quando se ama nada nos impede de encontrar a quem amamos. O resto são desculpas.

Muito lindo o que você escreveu.

Espero que ela leia e entenda.

Valeu a pena sim, tenha certeza.


abraço e um lido dia pra você

Majoli disse...

Amei tudo, cada linha, cada estrofe e também a melodia.
Ficou lindo Blue.

Beijos.

Nany C. disse...

Blue...
"...quem vai dizer ao coração
que a paixão não é loucura?
mesmo sem palavra alguma pra falar!?

quando a gente ama, simplesmente ama!"

Lembra?!

Um doce beijo no teu coração!

Dora disse...

Mr. Blue, nada é em vão dentro do amor (assim penso eu). E esse teu post me fez lembrar de Charlie Brown Jr.
"Podem me tirar tudo o que tenho, só não podem me tirar as coisas boas que já fiz pra quem eu amo"

Ou ainda, o bom e velho Russo...
"Podem até maltratar meu coração, mas meu espírito ninguém vai conseguir quebrar"

Sei lá... lembrei disso.
Cheiro grande e concordo sim que padre também é "gentem como a gentem"... rs rs

Bela disse...

Todo o amor vale o esforço dispensado, mesmo quando no fim não dá certo. Enquanto durar que seja bom.

Beijo

Luna Sanchez disse...

É bom ter a consciência em paz, de fato, ainda mais em casos delicados como esse.

Beijo, moço.

ℓυηα