quinta-feira, 16 de abril de 2009

Na escuridão da noite

Se nas longas noites que passo acordado
Pudesse te abraçar bem apertado
Nunca mais na escuridão da noite eu queria ter
Tantas horas sem nada a fazer
Sei apenas que és um anjo
Que apareces nos meus sonhos
São belas horas que eu passo
Ao lado de quem tanto amo
Mas como já a tempo se sabe
Tudo que é bom dura pouco e logo acaba
É triste quando na realidade caio
E percebo que tudo foi apenas um belo de um sonho
Olho muito para o céu noturno
Esperando sempre ver uma cintilante estrela
Pois eu tenho pronto um desejo
Mas que só posso dizer a ti
Oh minha linda estrela cadente!

7 comentários:

Fabricante de Sonhos disse...

Embora seja sonho, é palpável.
A realidade existe, mas em sonhos, vivemos uma parte do que poderia ser...
Lindo o texto.

Beijo meu...

Fabricante...

Helô Müller disse...

Fico feliz que tenha gostado do meu, da mesma forma que gostei do teu !! Sucesso e um baci per te !!

Helô Müller disse...

Fico feliz que tenha gostado do meu, da mesma forma que gostei do seu !!
Sucesso e parabéns, Blue !!
Beijos

Luciana disse...

Por que será que tudo que é bom dura pouco e logo acaba???
Acho isso meio injusto, é um sarcasmo da vida para conosco, não acha?
Adorei a poesia!
Anda inspirado, hein, poeta!!!
Que bom!

Beijos!
Lu

Palma da Mão disse...

Oi Blue, vim espreitar o seu canto, e simplesmente fiquei maravilhada, com a sinceridade das palavras, o sonho é uma ilusão consciente, e vivendo ou não consciente com isso, o resultado além da tristeza,é inspiração, é viver sim acordado ou a dormir coisas e sentimentos estupendos, é poesia!
Vou voltar, e obrigada pelo carinho
Beijinhos
Liliana

paula barros disse...

Adoro seus comentários, hoje está divino. Obrigada por me deixar sorrindo.

Vou repetir, o nome do seu blog combina comigo.

Mesmo sonhando com uma estrela cadente, podemos sentir o brilho que fica a embelezar, a vida, os poemas, o ser.

beijo

Everson Russo disse...

Eu tambem meu amigo, vivo olhando o ceu de madrugada, vivo curtindo a escuridao e solidao das noites esperando pela estrela, em algum lugar ela há de estar eu sei...forte abraço e um final de semana poetico pra ti...